Nova análise do sangue mostra se você pode morrer nos próximos 5 anos!

Nova análise do sangue mostra se você pode morrer nos próximos 5 anos!

12 fev
Postado por Categoria: Blog

Você sabia que a análise do sangue pode mostrar quanto tempo de vida tem uma pessoa?

Um adulto normal possui cerca de 4 a 6 litros de sangue e esse líquido riquíssimo pode mostrar como está o metabolismo de um indivíduo. Mas, o que talvez você não saiba, é que através da análise detalhada do sangue, é possível saber se um indivíduo tem maior probabilidade de morte em relação às outras pessoas.

Uma pesquisa feita pelo Grupo de Pesquisa em Medicina Computacional em cooperação entre a Universidade de Oulu e da Universidade da Finlândia, mostrou alguns biomarcadores importantes na análise do sangue.

De acordo com a pesquisa, se o indivíduo apresentar esses biomarcadores no sangue, há um risco de morte nos próximos 5 anos. Os biomarcadores relacionados com o tempo de vida, são: as proteínas albumina e glicoproteína alfa-1 ácida; análise do tamanho das partículas de lipoproteínas e a concentração de ácido cítrico no sangue.

Os biomarcadores citados acima estão presentes no sangue de toda pessoa normal. Entretanto, pesquisas mostraram que a quantidade dessas substâncias no sangue é de crucial importância.

Para que a pesquisa ganhasse maior veracidade, os pesquisadores usaram os biomarcadores independentes dos fatores de risco de mortalidade comum. Ou seja, não associaram o risco de morte com a idade, tabagismo, álcool, excesso de colesterol etc.  Eles associaram esses biomarcadores a pessoas saudáveis, sem doenças como diabetes ou câncer.

O que muda nesse novo método de análise de sangue?

análise-do-sangue

Com esse novo método de análise de sangue sendo aprimorado, podemos dizer que há esperança de maior longevidade, isso porque ao descobrir que há risco de morte, é possível buscar ajuda médica antes que alguma doença seja desenvolvida.

Este é o primeiro estudo no mundo que analisou esses biomarcadores e relacionou com o tempo de vida de um indivíduo. O estudo foi publicado na integra no Plos Medicine, em 25/02/2014.

Análise de sangue e o câncer

análise-do-sangue

A nova análise de sangue ainda está em processo de pesquisa e desenvolvimento. Enquanto esse novo método não está à disposição de toda população, é importante trabalhar com o que temos em mãos. Um dos exames mais comuns e mais significativos no tratamento de doenças, é o hemograma.

Um exame tão simples pode auxiliar no diagnóstico de doenças graves, inclusive no diagnóstico do câncer. Muitas vezes, o médico pode pedir como exames iniciais os exames de rotina, como hemograma, análise da urina ou em outros casos, biópsia da área suspeita.

O hemograma por si geralmente não pode confirmar o câncer. Então, o que o médico pode estar procurando ao pedir um exame de sangue? Sinais que podem levar ao câncer, por exemplo: as amostras podem mostrar células cancerosas, proteínas ou até mesmo outras substâncias produzidas pelos tumores. Nos exames de sangue o médico pode analisar o funcionamento dos órgãos e constatar se algum deles foi ou não afetado pelo câncer.

Outro exame que pode auxiliar no diagnóstico de doenças que podem estar relacionadas com a mortalidade, é a eletroforese de proteínas, ele ajuda a identificar imoglubulinas que estejam elevadas (em pessoas com mieloma múltiplo, por exemplo).

O teste de marcadores tumorais também auxilia no diagnóstico de câncer, mostrando substâncias produzidas por células cancerosas no sangue. Os marcadores tumorais mais comuns são o PSA – específico para próstata; o CA 125- para câncer de ovário; calcitonina – para câncer medular de tireoide; alfa-fetoproteína (AFP) – que pode indicar câncer no fígado e o HCG – para tumores de células germinativas (câncer nos testículos ou ovários, por exemplo).

Os avanços na medicina em relação à análise de sangue precisam ocorrer para que seja garantida uma maior expectativa de vida. Mas, o profissional que consegue dominar a interpretação de exames como o hemograma, o que já garante maior probabilidade de orientação dos pacientes no tratamento de doenças, pois pode detectá-las mais cedo.

Se você deseja aprender mais sobre a análise e interpretação de hemograma, assista a aula gratuita do Curso de Interpretação do Hemograma, clicando na imagem abaixo.anuncio-hemograma-face

Fonte: http://www.eurekalert.org/

Nenhum comentário ainda

You must be logado em para post a comment.