Mito da saúde: Carne queimada causa câncer?

03 jun
Postado por Categoria: Blog

Um hambúrguer queimado pode fazer muito mais do que transformar o gosto na sua boca, pois a carne queimada pode produzir produtos químicos cancerígenos. Se você está assando o hambúrguer em cima da grade, manter a sua refeição com essas dicas de cozinha saudável pode lhe livrar dos riscos.

Quando a carne, seja ele carne bovina, carne de porco, peixe ou de aves, é cozida em altas temperaturas, ele forma aminas heterocíclicas (HCAs) e hidrocarbonetos aromáticos policíclicos (HAP). De acordo com o National Cancer Institute, HCA e PCAa causaram câncer em modelos animais – ratos de laboratório. Até agora não está claro se os seres humanos sofrem com o crescimento de câncer após a exposição ao HCAs e PHAs, mas não estamos nos voluntariando para todas as experiências para poder descobrir com maior certeza.

Ainda assim, os especialistas aconselham que você não coma carnes cozidas-crocantes, uma vez que há uma boa chance de que elas possam aumentar o risco de câncer de próstata, pâncreas e câncer colorretal, de acordo com Natalie E. Azar, MD, professor assistente clínica de medicina e reumatologia na NYU Medical Center. Vale a pena mencionar que os PAHs também podem ocorrer de forma desenfreada na fumaça do cigarro e no cano de escape dos carros.

Então, da próxima vez que você estiver esquentando o seu churrasco, ou apenas o fogão, lembre-se de seguir essas dicas simples para cozinhar e viver livre de câncer.

 

Marinar sua carne

como-marinar-ternera

Dê ao seu prato de uma dose saudável de sabor. Cozinhar carnes com alho, alecrim, polpa de frutas ricas em vitamina E, esfregar tempero de pimenta em pó e páprica pode diminuir a produção de HCA em até 70%, isso de acordo com uma análise da Natural Medicine Journal. Bônus: Cozinhar com cerveja (não beber) pode diminuir os poderes mutagénicos do HCAs.

 

Reduzir o tempo de cozimento

Isso não significa que você tenha que comer uma galinha crua. Coloque sua carne no microondas durante 60 a 90 segundos antes do cozimento para reduzir o tempo de exposição ao fogo durante o preparo, sugere Azar. Se você está grelhando ou fazendo algo similar, considere diminuir o calor. A exposição direta a altas temperaturas – especialmente em fornos acima de 300 graus – é o principal contribuinte para a produção de HCA e PAH na carne.

Seja um Comedor seletivo

Pontos queimados são locais para substâncias químicas cancerígenas. Se você é um chef propenso a queimar a carne, Azar sugere virar sua carne constantemente para limitar a exposição da superfície. Caso as chames ainda vierem queimar a carne, é indicado corta-la antes de servir ou comer.

 

Use o óleo certo

c3b3leo-vegetal-1

Muitos óleos de cozinha comum simplesmente não podem ser esquentados. O óleo de semente de toranja e o óleo de soja, por exemplo, podem se transformar em altas temperaturas, agravando problemas cancerígenos resultados do cozimento. Se você for cozinhar ou fritar, use pouco óleo para poder marinar, tente o óleo de amendoim. É seguro comer mesmo quando você aumenta a temperatura.

Fonte: www.foxnews.com

Nenhum comentário ainda

You must be logado em para post a comment.