Impressora 3D pode detectar e diagnosticar anemia em menos de 60 segundos

19 jun
Postado por Categoria: Blog

Os testes de gravidez e testes de glicose no sangue são feitos em postos de atendimento com dispositivos engenhosos que dão aos usuários resultados rápidos e compreensíveis. Agora, um novo dispositivo biomédico de impressão 3D pode em breve vir a ser o mesmo tipo de ferramenta universal para os profissionais de medicina diagnosticarem os seus pacientes.

O novo dispositivo de diagnóstico de impressão 3D, que está atualmente sendo testado por um par de cientistas da Kansas State University (KSU – Universidade do Estado do Kansas), poderia ser utilizado por qualquer pessoa para detectar anemia em menos de um minuto. É tão fácil como tirar uma amostra de sangue através de uma picada no dedo e examina-la sob um smartphone.

Os usos dos dispositivos nos postos de atendimento podem ser realizados fora do laboratório. A dupla de KSU, o estudante de mestrado Kim Plevniak e o professor assistente Mei He, visam desenvolver com baixo custo, o dispositivo de ponto de atendimento que tem o seu uso adequado para dentro de casa.

Plevniak e He também projetaram o novo dispositivo de impressão 3D para os indivíduos que têm acesso limitado aos cuidados de saúde, particularmente aqueles que vivem em países em desenvolvimento.

O escopo de Anemia

anemia

Os pacientes com anemia não têm glóbulos vermelhos saudáveis o suficiente para transportar oxigênio para os seus órgãos.

Cerca de 2 bilhões de pessoas em todo o mundo são afetadas pela condição de sangue, incluindo mais de metade das crianças no pré-escolar e mulheres grávidas em países em desenvolvimento, bem como 30% de mulheres e crianças nos países industrializados.

Embora a anemia possa ser tratada com vitaminas ou suplementos de ferro, podendo ser prevenida com uma dieta saudável, Plevniak disse que ainda é uma condição muito prevalente em países em desenvolvimento. É nesse ponto que o seu novo dispositivo entra.

“Muitas vezes, nestes países em desenvolvimento as pessoas têm acesso muito mais fácil de smartphones do que de médicos e profissionais treinados”, disse Plevniak.

Plevniak, que está ocupado com o seu mestrado em engenharia biológica e agrícola, passou quase 12 meses na concepção de um protótipo de teste de baixo custo que pode ser usado em smartphones.

A ferramenta biomédica é feita de lâminas de plástico transparente de impressão 3D que contêm microfluídica que podem ser atribuídas aos smartphones.

Um usuário pode adicionar uma gota de sangue para o slide de plástico transparente, que é projetado para um teste baseado em escala de cores. Os resultados são produzidos em menos de 60 segundos e pode ser lido utilizando o aparelho.

Plevniak e He estão desenvolvendo agora um aplicativo com o professor associado Steve Warren, especialista em engenharia elétrica e informática. O aplicativo poderia ajudar a gerenciar os dados da amostra de sangue e enviar os resultados dos testes aos respectivos médicos.

A dupla também recebeu aprovação para começar a testar amostras de doentes no centro médico da Kansas State University. Isso ajudará a Plevniak e He a otimizarem o dispositivo para o diagnóstico de vários níveis de anemia em seres humanos.

Fonte: www.techtimes.com

 

Aprenda mais sobre a análise do sangue!

Se você é da área da saúde, deve saber que a análise do sangue é um dos exames mais importantes dentro de um laboratório clínico. Por ele, é possível verificar se os órgãos estão em bom funcionamento, como anda o metabolismo do indivíduo e ter um parâmetro sobre quase todas as doenças.

Como um bom profissional, ou estudante da saúde, você deve saber fazer a interpretação do exame de sangue, para conseguir evoluir para pesquisas mais complexas.

Nós do IBAP preparamos um curso para você, que deseja aprimorar os seus conhecimentos sobre o hemograma. O melhor é que você poderá fazê-lo sem sair de casa e pagando muito pouco por isso!

O melhor, é que você recebe um certificado e o material de apoio para continuar estudando quando desejar.

Para saber como é o curso e ter em mente se você realmente deve se inscrever, disponibilizamos um módulo gratuitamente.

 

Clique aqui e saiba mais…

 

Quer Saber Como é o Curso?

hemograma-dest-site

Clique no link abaixo e acesse um módulo GRATUITAMENTE.

Módulo 1B – Introdução ao Hemograma

 

Conheça a programação do curso:

 

Conteúdo:

Módulo 1A – Apostila e Introdução

 

Módulo 1B – Introdução ao Hemograma

Hemograma – Características

Hemograma – Composição do Sangue

Hematopoiese

Hemograma – Coleta de Amostra

Hemograma – Tubos com EDTA (Lilás)

Fatores que podem comprometer a qualidade da amostra

Erros de Punção

Hemograma – Material necessário para a coleta

 

Módulo 2 – Eritrograma

Eritrócitos – Características

Eritrograma – Contagem Manual

Eritrograma – Analisadores Automáticos

Determinação de Hemoglobina – Método Manual

Determinação de Hemoglobina – Método Automatizado

Hematócrito

Índices Hematimétricos

Hemograma – Índices x Anemias

Preparação de Lâmina para confirmação

Lâminas – Morfologia dos Eritrócitos

Anisocitose: variações de tamanho (Macrocitose  X Microcitose)

Anisocromia: variações de cor (Hipocromia X “Hipercromia” X Policromasia)

Poiquilocitose ou Pecilocitose: variações de forma (Esquizócitos X Drepanócitos X Células Crenadas X Células em Alvo X Esferócitos).

Alterações na estrutura – inclusões (Malária)

 

Módulo 3 – Leucograma

Estudo da série branca ( leucócitos)

Contagem do número total de leucócitos por mm3 em câmara de Newbauer ou atomatizado.

Lâminas – Contagem diferencial dos leucócitos no estiraço.

Valores relativos e absolutos de cada tipo celular.

Relato das alterações morfológicas, quando presentes.

Granulopoese

Desvio à esquerda

Leucograma – Processo Infeccioso (Fase de Luta X Defesa X Cura)

Leucograma – Processo Infeccioso Crônico

Reação Leucemoide X Reação Leucêmica

 

Módulo 4 – Alterações Variadas + Casos Clínicos

Lâminas com alterações variadas

Casos Clínicos

 

Módulo 5 – Questionário de Avaliação

 

Módulo 6 – Certificado do Curso

 

 

Nenhum comentário ainda

You must be logado em para post a comment.