Estudo diz que não existe risco de vacinação de gripe em pacientes que passaram recentemente por cirurgias

Estudo diz que não existe risco de vacinação de gripe em pacientes que passaram recentemente por cirurgias

21 maio
Postado por Categoria: Blog

Os pacientes submetidos a cirurgias recentes que foram medicados com vacina contra a gripe durante a internação não tiveram nenhum risco de aumento de periculosidade contra a sua saúde que os levassem ao departamento de emergência ou internações posteriores na semana após a alta em comparação com pacientes que passaram por cirurgias e que não foram vacinados. O novo estudo da Kaiser Permanente, publicado na revista Annals of Internal Medicine, também descobriu que, em comparação com os pacientes cirúrgicos não vacinados, os pacientes cirúrgicos vacinados não têm um maior risco de febre, e eles também não têm um aumento do número de testes feitos em laboratório para avaliar infecções.

“Historicamente, tem havido preocupação entre os cirurgiões que a vacinação de pacientes enquanto eles estão no hospital pode contribuir para o aumento do risco de febre relacionada com a vacina ou dor muscular, o que pode ser atribuído incorretamente a complicações cirúrgicas”, explicou Sara Y. Tartof, PhD, MPH, principal autora do estudo, do Departamento de Pesquisa e Avaliação da Kaiser Permanente Southern California. “Até agora não há dados que suportem essa preocupação. Na verdade, os nossos resultados mostram que as internações hospitalares são uma boa hora para vacinar pacientes, particularmente aqueles que são mais velhos e que correm alto risco de complicações em caso de diagnósticos de gripe”.

gripe
A gripe é uma infecção respiratória altamente contagiosa que pode causar sérias complicações, hospitalizações e, em alguns casos, até mesmo a morte. Algumas pessoas, como idosos, crianças pequenas e pessoas com certas condições de saúde, estão na linha de alto risco de terem complicações graves devido ao diagnóstico de gripe. Além de recomendar a vacinação anual contra a gripe para pessoas de seis meses de idade e mais velhas, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças norte-americano – CDC: Centers for Disease Control and Prevention – recomenda que pacientes hospitalizados são indivíduos elegíveis para receber a vacina contra a gripe antes de terem alta.
Neste estudo, os pesquisadores analisaram os registros de saúde dos membros da Kaiser Permanente do Sul da Califórnia que eram elegíveis para a vacinação contra a gripe durante as estações de gripe (período onde ocorrem mais casos de gripe entre as pessoas) de 2010 até 2013. Essas estações foram definidas como a partir de 1º de setembro e com término em 31 de março. Dos 81.647 pacientes submetidos a cirurgia avaliados, um total de 34% (mais ou menos 27 mil pessoas) não recebeu a vacina da gripe durante a temporada de gripe, enquanto que 8% (aproximadamente seis mil pessoas) dos pacientes envolvidos tinham sido vacinados durante a internação. As cirurgias restantes incluíram os pacientes que tiveram vacinas documentadas antes da internação ou após a alta do hospital. Dessas cirurgias envolvendo pacientes que foram vacinadas durante a internação, a maioria foi vacinados no dia da alta, mostrando um total de 78%, o que totaliza aproximadamente 37 mil pessoas vacinadas no dia da alta do hospital.

Fonte: www.eurekalert.org

 

Por:  Marina Caxias | Texto Aprovado pelo Conselho Científico do Instituto Biomédico – IBAP

Nenhum comentário ainda

You must be logado em para post a comment.